terça-feira, 30 de novembro de 2010

1 de Dezembro, dia de luta contra a SIDA

Escultura do artista Sudarshan Pattnaik na Índia, homenageia o dia mundial de luta contra a SIDA.

[AC] Advent Conspiracy 2009 Promo Video

segunda-feira, 29 de novembro de 2010

Ditosa voou... Tomás Seatra


 Ditosa continuou o seu voo rumo aos altos céus, com as gotas da chuva a rolarem-lhe pelo corpo e com lágrimas nos olhos, planou sobre a cidade e viu o bazar de Harry, onde Harry gritava com Matias, dizendo-lhe que nunca mais lhe dava bebidas alcoólicas.
Ditosa viu o mar e desceu deslizando com as patas à superfície da água, lembrou-se de Zorbas e dos seus amigos e disse para si mesma:
- Obrigada, amigos gatos, nunca vos esquecerei, vocês e só vocês são a minha família.
Entretanto parou de chover, Ditosa viu o sol a iluminar as águas límpidas e transparentes, Ditosa viu também os peixes a saltitar no mar cristalino. Viu também sombras, olhou para cima e viu que um bando de gaivotas se juntara a ela; uma gaivota do bando disse:
- Vem connosco.
Ditosa aceitou o convite e começou uma vida de gaivota.

E Ditosa voou... Carolina Duque

Ditosa voou...
 
Ditosa estava a voar! Zorbas tinha cumprido a promessa que fez a Kengah e estava muito contente por isso.
Ditosa foi junto de Zorbas e disse:
- Nunca te esquecerei! Ninguém terá uma mamã tao especial com tu!
Os dois abraçaram-se muito. Ditosa disse adeus a Zorbas, e que lhe prometeria que iria sempre, todos os anos, visitá-lo.
Depois, Zorbas e o humano desceram a escadaria da torre de S. Miguel e foram para as suas casas.

Zorbas guardou o ovo de onde Ditosa nascera, e todas as lembranças que ela lhe tinha dado. A seguir foi dormir.
No outro dia Zorbas acordou pensando que ditosa tinha fugido, mas então, lembrou-se que a sua gaivotinha já se tinha ido embora pois conseguira voar.
A partir daí, Zorbas começou a fazer poemas como o humano de Bubulina fazia. Eram muito bonitos, embora tivesse que decorar o poema e ir a casa do humano de Bubulina para ele escrever a máquina, pois Zorbas não sabia escrever. O seu poema mais bonito foi dedicado a Ditosa.

LER É FUNDAMENTAL

LER

domingo, 28 de novembro de 2010

Lisboa antes do terramoto


City and Spectacle: A Vision of Pre-Earthquake Lisbon from Lisbon Pre 1755 Earthquake on Vimeo.

sábado, 27 de novembro de 2010

Carly Simon - With A Few Good Friends

Cuca

Disney's Robin Hood - Not in Nottingham

sexta-feira, 26 de novembro de 2010

Yann Tiersen - Les Jours Tristes

Ler devia ser proibido - www.twitter.com/lerdvsproibido siga!!!

quarta-feira, 24 de novembro de 2010

James Brown - Woman

Dia Internacional para a Erradicação da Violência contra as Mulheres, 25 de Novembro

segunda-feira, 22 de novembro de 2010

Radiohead - Thinking About You

domingo, 21 de novembro de 2010

Camp Simcha for Children with Cancer - "Waving Flags" Official Music Video | A quimioterapia não é pera doce | Causes




Grace Pilgrimage 2009 - Introduction Posted by..., posted with vodpod

sábado, 20 de novembro de 2010

Dia Mundial em Memória das Vítimas da Estrada




Dia Mundial em Memória das Vítimas da Estrada, posted with vodpod

Imagine não ter tempo de dizer adeus...

sexta-feira, 19 de novembro de 2010

Promessa...

quinta-feira, 18 de novembro de 2010

Defensores dos animais convocam manifestação - JN

Defensores dos animais convocam manifestação

Cresce onda de indignação contra veterinário acusado de abater ilegalmente sete cães

Ontem

Marisa Rodrigues

Defensores dos direitos dos animais exigem a demissão do veterinário do canil municipal de Évora, que recentemente abateu sete cães saudáveis alegado ter um "orçamento limitado". Uma manifestação está marcada para segunda-feira frente à autarquia.

O apelo surgiu através do Facebook depois de ter sido tornado público o abate de sete animais, cinco dos quais com processos de adopção já em curso.

Ontem, à medida que centenas de utilizadores confirmavam a presença na manifestação, subiam também de tom as críticas à actuação do veterinário. Palavras como "assassino" e "talhante" repetiram-se vezes sem conta em vários comentários.

Os organizadores do protesto garantem que o objectivo é "manifestar a revolta e a indignação pelos actos desumanos e cruéis" que dizem terem sido cometidos por António Flor Ferreira. Acusações que o veterinário rejeita.

O abate foi inicialmente denunciado à Câmara Municipal pelas duas veterinárias que trabalham no canil sob as ordens de Flor Ferreira. Queixavam-se de sofrer "pressões" do superior hierárquico para eutanasiar animais "devido aos custos associados à sua manutenção". Dos sete abatidos, três estavam com processos de adopção em fase final, com donos já definidos, e dois em fase inicial. As veterinárias garantem ter alertado Flor Ferreira. "Quando confrontado com a situação disse apenas que os animais não poderiam ficar mais de um mês no canil e que por isso seriam abatidos. "Muito embora o canil não se encontrasse cheio", pode ler-se no documento que circula na Internet.

Alexandra Moreira, advogada e sócia de várias associações de defesa dos animais, diz que a atitude é "abusiva e ilegal. Os cães, que lá estavam há apenas cerca de dois meses, já pertenciam a outras pessoas". Rejeita a morte "por questões financeiras", uma vez que, diz, "um abate ronda os 60 euros". "Foram gastos 420 euros para matar, dinheiro que dava para alimentar muitos animais".

Veterinário nega acusações

O veterinário municipal de Évora refutou ontem todas as acusações, garantindo que agiu em conformidade com a lei. Sublinhou ainda estar a ser vítima de "calunias".

"Estes animais já estavam há 60 dias no centro de recolha oficial (...) e não estavam dados para adopção, porque quem decide a adopção sou eu e ninguém me deu conhecimento que havia pessoas interessadas", afirmou António Flor Ferreira, em declarações à Agência Lusa.

"As adopções são extremamente difíceis, porque receber um animal requer condições para o ter. A legislação determina que nós vamos verificar e nem toda a gente as tem", alegou. Adiantou ainda que o centro de recolha oficial de Évora possuí "muitas fichas de inscrição para adopção", mas garantiu que "as pessoas quando são contactadas para irem buscar os animais, muitas vezes, já não os querem". Como o centro "tem espaços limitados e orçamentos limitados, os animais não podem permanecer por tempo indeterminado", concluiu.

Universidade de Évora usa cães vivos como cobaias - Portugal - DN

Vários antigos alunos do curso de veterinária da Universidade de Évora (UE) acusam esta instituição de cães vivos saudáveis como cobaias. O director do Hospital Veterinário esclarece que só são usados "pontualmente" cães que já estavam destinados a abate pelo canil municipal. A autarquia abriu um inquérito.

Na edição de hoje do Jornal de Notícias, actuais veterinários e antigos estudantes dizem que há vários anos a UE usa cães vivos saudáveis em aulas de anatomia. "No meu primeiro ano do curso foi utilizada uma cadela para a parte da prática da disciplina de anestesiologia. Todos os dias, de segunda a sexta-feira, aquele animal foi anestesiado e acordado. Até que no último dia foi abatido", contou uma aluna, revelando que no segundo ano os cães eram "abertos" para os estudantes aprenderem a "retirar órgãos". "Cheguei a simular cesarianas em cadelas que não estavam grávidas e retirei órgãos, como o útero e os ovários", acusou outra aluna.

Uma veterinária do Sabugal pagou uma formação em ecografia e saiu de lá "chocada" por os cães estarem vivos, "cheios de pulgas e carraças", e de ter sido recusado a uma das suas colegas a adopção de um dos animais.

À Lusa, o director do Hospital Veterinário da UE, José Tirapicos Nunes, argumentou que são usados "pontualmente" cães vivos, de preferência com algumas patologias ou para fazer ecografias, mas apenas aqueles que já estavam destinados ao abate no canil da cidade, pois é isso que ditam as regras. "Em vez de os mandarem já abatidos, pedimos que os mandem vivos para intervenções mais específicas. (...) Nunca recebemos animais que não estivessem para ser abatidos", vincou o responsável,, indicando que são usados nas aulas não só cães, como gatos ou outros animais.

Os animais, segundo José Tirapicos Nunes, "são sempre anestesiados e depois eutanasiados, antes de acordarem da anestesia". Também animais já abatidos são utilizados nas aulas de anatomia do curso de Medicina Veterinária, disse o responsável, garantindo que "são sempre cumpridas as regras". "Queremos formar técnicos o melhor possível e, por isso, é necessário os alunos observarem os animais", sublinhou.

A autarquia eborense e a universidade têm em vigor um protocolo para a incineração de cadáveres, como o caso de cães vítimas de atropelamento na via pública. O presidente da Câmara de Évora já revelou hoje à Lusa que abriu um inquérito para averiguar o funcionamento do canil municipal e apurar eventuais responsabilidades, após denúncias mútuas entre o responsável do serviço, acusado por duas veterinárias de "abate ilegal" de sete cães já com "processos de adopção finalizados"

quarta-feira, 17 de novembro de 2010

Brand new!


Find more videos like this on AdGabber

Dia do não fumador

terça-feira, 16 de novembro de 2010

Hoje faço 50 anos! Bolas!


segunda-feira, 15 de novembro de 2010

O Sr. do adeus

domingo, 14 de novembro de 2010

Philip Glass - Sesame Street - Geometry of Circles

sábado, 13 de novembro de 2010

Just do it...

Cântico Negro de José Régio (interpretado por João Villaret)

Porque hoje é Sábado!

sexta-feira, 12 de novembro de 2010

O Capuchinho Vermelho, mais uma versão

O Capuchinho Vermelho

    Era uma vez uma menina chamada Capuchinho Vermelho.
    O Capuchinho Vermelho ia entregar uma merenda à sua avozinha porque esta se encontrava doente.
    No caminho para a casa da avó o Capuchinho Vermelho viu algumas flores muito bonitas e foi colhê-las, mesmo depois de a sua mãe lhe ter dito para não se desviar do caminho, mas ela não resistiu à tentação.
    Enquanto apanhava flores apareceu um lobo que lhe perguntou para onde é que ela ia. Sem hesitar o Capuchinho disse-lhe.
    O lobo apresentou-se e indicou-lhe um atalho para a casa da avó. Capuchinho Vermelho seguiu caminho pelo atalho e agradeceu ao Lobo.
    O Lobo conseguiu chegar a casa da avozinha primeiro que o Capuchinho tendo assim tempo para vestir as suas roupas e enfiar-se na cama.
    O Capuchinho entrou na casa da avó e perguntou-lhe porque é que ela tinha umas orelhas e nariz tão grandes. O Lobo respondeu-lhe que era para a ouvir e cheirar melhor, o Capuchinho Vermelho perguntou-lhe porque é que tinha uns dentes tão grandes e o Lobo respondeu-lhe que era para a comer.
    No último momento apareceu o caçador e salvou o Capuchinho, o Lobo, com o susto que apanhou, vomitou a avó e mais três meninas que tinha comido na floresta.
    O caçador deu um tiro no Lobo fazendo com que ele morresse por perda de sangue.
    As três meninas foram brincar para casa do Capuchinho Vermelho e o caçador vendeu o Lobo por 7,50€ o quilo.

Maria Galésio
6º A nº 19

R.E.M. - Shiny Happy People (Video)

São quase horas!

Simon's Cat in 'Lunch Break'

quinta-feira, 11 de novembro de 2010

Isn't it a Pity, George Harrison

quarta-feira, 10 de novembro de 2010

Pegadas...

terça-feira, 9 de novembro de 2010

Calendário escolar original

segunda-feira, 8 de novembro de 2010

Cuca, 11 meses! Noca, uma imensa saudade!

Chuck Berry - C'est la vie (1972) Live

ESCORPIÃO


Perfil - Quem já não perguntou os signos das pessoas ao seu redor? Quando um deles demorar a responder e olhar com firmeza e quase atravessar sua alma, não tenha dúvida: é de ESCORPIÃO. Perceba que alguns podem engolir seco e outros quase darão um passo atrás. Assim é este ser enigmático e magnético, misterioso e desconfiado. Pobre escorpiano: essa é sua sina. Muito da impressão que ele passa é verdadeira, mas, não se engane, você estará diante de um tipo honesto, fiel e verdadeiro. Leal como ele só, é óptimo ter um amigo de Escorpião ao seu lado. E é melhor que seja assim. Tê-lo como inimigo pode ser muito perigoso. Extremamente sensível, seus sentimentos são muito intensos. Podemos dizer que são as pessoas mais complexas do zodíaco, e seu temperamento não é nada fácil. Normalmente são dominados por paixões intensas. Sempre estão analisando a atitude das pessoas ao seu redor, o que os faz ser psicanalistas por natureza. Sempre buscando explicação para tudo, são muito ligados às emoções mais profundas do ser humano, percebendo a existência de algo mais além desta vida, algo além da morte, fazendo-os buscar respostas no misticismo e no entendimento da psiquê. Capazes de conhecer profundamente as razões da atitude humana, eles podem ajudar as pessoas a encontrar a verdadeira função da vida. Agora, se quiserem, podem destruir alguém, sabendo de todos os seus complexos e podendo derrubá-lo com poucas palavras. É ... é melhor ser amigo deles, que, por sinal, sabem dar o máximo de si numa amizade. Carregam um trem para nos defender, mas, se forem traídos, são capazes de  nos atropelar com esse mesmo trem... várias vezes. Outra marca registada de Escorpião: SEXO. São tão intensos nas relações que sempre têm uma conotação erótica no contacto com as pessoas. Sexo é algo de que eles gostam, e como. Parece que sempre vêem o mundo com uma coloração sexual. Mas não pense que eles são do tipo que levam qualquer um para cama. São muito selectivos  Sendo fiéis, cobram fidelidade, com um ciúme doentio. Muito reservados e misteriosos, podemos dizer que ninguém os conhecerá totalmente. Muito desconfiados, vão demorar muito para eles se abrirem com você, se isso for possível. Eles, mais do que outros, sabem que sempre existe um lado sombrio no ser humano, e que , sempre está sob controle. Eles sabem, reconhecem e, se preciso deixam sair o animal que existe dentro deles. Ninguém derruba um Escorpião tão facilmente. Determinado e firme, pode ser até obsessivo quando quer algo. Mesmo que seja derrotado, é só por pouco  tempo que você o verá caído. Ele sempre se levanta, sacode a poeira e dá volta por cima. Nem pense em sentir pena dele... talvez você sinta pena de você, depois de ver a reacção dele. Quem rege Escorpião é Marte, o Deus da guerra, e Plutão, o senhor dos infernos.  Se você preza sua integridade, não se aproxime de um Escorpião que você sabe que vai discordar. Intensos e extremistas, para eles é tudo ou nada. Complexos esses escorpianos. Mas é óptimo poder tê-los em nosso grupo e curtir sua amizade. Só tenha um cuidado : nunca esqueça de telefonar ou mandar um bilhete para ele. Em hipótese alguma, deixe de convidá-lo para um jantar de amigos, principalmente se ele diz que você é seu melhor amigo, mesmo que você não seja. Ele nunca esquecerá essa desfeita... e o que é pior, pode lembrar para sempre. Com ele é assim: ame-o ou odeie-o; o meio-termo o deixa possesso como um mafioso magoado.



Homem (A Pessoa) - Amor, teu nome é ciúme. Talvez seja esta a frase que paira na cabeça do escorpiano, consumindo um tempo enorme de seu dia e deixando-o com dor no peito. Exagero? Não, eles são assim mesmo. Quando amam, se entregam de corpo e alma. Claro que mais de corpo do que alma. Conquistadores por natureza, sua virilidade é seu maior orgulho. Sendo magnéticos, sensuais e provocantes, atraem as Mulheres com uma certa facilidade. O olhar do Escorpião é tão penetrante que parecem estar despindo a Mulher. Sensíveis (sim... sensíveis) que são, podem ser muito inseguros quando iniciam uma relação, desenvolvendo um ciúme doentio. Nem pense em comentar sobre seus namorados do passado, mesmo que ele force você a falar. Parece que eles estão sempre testando sua fidelidade. É preciso ser forte para suportar o amor de um escorpiano. Adapte-se ao seu jeito desconfiado, que nada mais é do que carência, e você terá um "amante latino" apaixonado ao seu lado.

Mulher (A pessoa) – ”Nunca houve Mulher como Gilda..." . Quem viu esse filme clássico com Rita Hayworth, sabe o que é uma Mulher de Escorpião. Não lembra? Veja "Instinto Selvagem" com Sharon Stone. Muito sedutora, a Mulher de Escorpião costuma ter muitos homens aos seus pés e às vezes pode se aproveitar desses apaixonados. Decidida e forte ela não têm meio termo numa relação afectiva. Quando ama, se entrega totalmente a essa paixão, exigindo do parceiro a mesma intensidade, o que nem sempre é possível, tamanho o desejo dessa Mulher. Fiel ao extremo, quando se sente rejeitada e traída pode ser muito perigosa. Seu instinto faz com que ataque de várias maneiras, desde ficar num silêncio glacial durante semanas até persegui-lo indefinidamente. Mesmo que ela o perdoe, saiba que nunca, nunca mesmo, vai esquecer. Pode parecer perigoso iniciar uma relação com uma Mulher assim, mas saiba que é muito gratificante ter alguém assim ao seu lado. Pronta para o que der e vier, aposta tudo numa parceria e defende com unhas, dentes, braços e pernas o seu amado. Amar uma Mulher assim é viver o verdadeiro amor, em toda sua extensão, desde o mais sublime sentimento até o mais intenso prazer sexual. Bastante liberal, não se espante com seus desejos e fantasias. Curta e você não se arrependerá, mas não pense que essa Mulher é fácil e pode ir para a cama com qualquer um. Ela escolhe a dedo o parceiro que merecerá sua atenção. É... você nunca mais será o mesmo depois de amar esta Mulher. E que Mulher!!!

Sexo - Você já deve ter percebido que sexo é do que o Escorpião mais gosta. O corpo do escorpiano é pura sensualidade e ele responde a qualquer toque que receber. Como ninguém, ele sabe acariciar, abraçar e beijar. Intenso como é, as preliminares podem ser intermináveis e você pode chegar ao êxtase só com o toque de suas mãos, que descobrem suas zonas erógenas rapidamente, e sem o mínimo de timidez. Não se assuste se ele sugerir coisas estranhíssimas e exóticas numa relação sexual. Você não vai se arrepender. E tenha fôlego, pois ele parece insaciável. Claro que ele tem intenção de lhe dar prazer, mas saiba que, no auge da relação, ele se importa mais com seus desejos do que o do parceiro. Mas você somente terá contacto com este lado erótico e apaixonado de um escorpiano, depois de conquistar sua confiança e unir amor e paixão. Daí em diante, relaxe e aproveite.

Presentes - Quando se fala de Escorpião, temos a ideia de que presenteá-lo com roupas sedutoras e objectos eróticos (e há muitos) poderia agradá-lo. Nem pense nisso. Escorpianos não suportam deixar à mostra seus desejos e intimidades. Eles podem morrer de vergonha e ficar com ódio de você, o que não é bom para sua integridade física, moral e psicológica. Presentes ideais são aqueles em que haja algo a desvendar ou que instigue sua capacidade de desvendar mistérios. Livros de suspense, espionagem e mistério podem ser interessantes, assim como um quebra-cabeças ou uma caixinha mágica que desafie sua inteligência. Dependendo de sua crença, amuletos e objectos místicos serão muito bem aceites. Outra coisa de que eles podem gostar muito, é uma lembrança que tenha um significado especial para você e para ele, e que poucos entenderão o porque de uma simples taça de champanhe, com uma fita vermelha amarrada, provoca um sorriso enigmático e uma troca de olhares entre vocês

Conquista - Paixão. Não existe outra palavra para definir o que eles sentem quando estão amando. Sempre haverá um toque de sensualidade em qualquer tipo de relação que eles estabeleçam, desde amizade até um casamento. O desejo e o amor passional fazem parte de sua vida, o que eles consideram muito normal. Por isso seu coração toma conta de todas as suas acções. Conquistar um Escorpião pode ser difícil, mas é ainda mais difícil resistir ao seu assédio. Não são só insistentes e sedutores; conseguem descobrir nossos desejos mais profundos. Não existe ninguém capaz de ceder, nem que for seja alguns momentos, ao seu ataque. Mas há uma maneira de conquistá-los. Tenha segredos e não se mostre interessado. O desconhecido e o indecifrável os fascinam tanto que eles não resistirão a desvendar seus mistérios. Seja fácil e eles usarão e abusarão de você. Conquiste-os e terá um amante para sempre. Depois aguente as consequências. Agora você pertence a eles.

Amizade - Dificilmente você fará amizade com um Escorpião. Ele fará amizade com você. Isso pode ser uma sorte grande, mas pode ser uma infelicidade da qual você jamais esquecerá. Selectivos e desconfiados eles escolhem a dedo as pessoas que farão parte de seu grupo de amizades. Com poucos ele se abrirá, mas nunca totalmente. Fiéis e exigentes, eles esperam a mesma atenção e dedicação dada por ele. Sempre prontos a proteger e a favorecer seus amigos, não permite que outros os ataquem. Sensíveis e rancorosos, não suportam desfeitas e traições, e é difícil convencê-los de que você não teve essa intenção. Pense bem antes de fazer amizade com um Escorpião. Como amigos são óptimos, mas, como inimigos, são melhores ainda.

Vida...

quinta-feira, 4 de novembro de 2010

The Muppet Show - It's a Small World/Credits

quarta-feira, 3 de novembro de 2010

Em 1983, Escola Gaspar Correia na Portela de Sacavém!

O Capuchinho Vermelho


O Capuchinho Vermelho
    Era uma vez uma menina muito bonita que se chamava Leonor, mas todos a tratavam por Capuchinho Vermelho porque a sua avó lhe dera um capuchinho de veludo vermelho, no Natal.
    Um dia, a sua mãe pediu-lhe para levar um cesto com guloseimas e sandes para a sua avozinha que estava muito doente.
    Depois de ver se tinha tudo no cesto, o Capuchinho Vermelho foi-se embora. Quando ia a passar pela floresta, apeteceu-lhe descansar, e então sentou-se. De tão cansada que estava, adormeceu. Quando acordou já era tarde. Ela correu e correu até chegar a casa da avozinha.
    Depois de abrir a porta, em vez de ver a avozinha, encontrou um lobo que estava a ver televisão. Quando o lobo se apercebeu que estava alguém em casa, olhou para trás. Como estava distraído caiu do sofá e ficou a olhar para a bela criatura que ali estava.
    O Capuchinho Vermelho ficou muito triste porque não via a sua avozinha, mas depois ouviu um barulho na cozinha. Ela foi ver e era a sua avó!
    Dias depois, a menina e o lobo eram os melhores amigos e viveram felizes por muito tempo.
Rita Gateira.

terça-feira, 2 de novembro de 2010

poema de agradecimento à corja - correntes

poema de agradecimento à corja - correntes

Obrigado, excelências.
Obrigado por nos destruírem o sonho e a oportunidade
de vivermos felizes e em paz.
Obrigado
pelo exemplo que se esforçam em nos dar
de como é possível viver sem vergonha, sem respeito e sem
dignidade.
Obrigado por nos roubarem. Por não nos perguntarem nada.
Por não nos darem explicações.
Obrigado por se orgulharem de nos tirar
as coisas por que lutámos e às quais temos direito.
Obrigado por nos tirarem até o sono. E a tranquilidade. E a alegria.
Obrigado pelo cinzentismo, pela depressão, pelo desespero.
Obrigado pela vossa mediocridade.
E obrigado por aquilo que podem e não querem fazer.
Obrigado por tudo o que não sabem e fingem saber.
Obrigado por transformarem o nosso coração numa sala de espera.
Obrigado por fazerem de cada um dos nossos dias
um dia menos interessante que o anterior.
Obrigado por nos exigirem mais do que podemos dar.
Obrigado por nos darem em troca quase nada.
Obrigado por não disfarçarem a cobiça, a corrupção, a indignidade.
Pelo chocante imerecimento da vossa comodidade
e da vossa felicidade adquirida a qualquer preço.
E pelo vosso vergonhoso descaramento.
Obrigado por nos ensinarem tudo o que nunca deveremos querer,
o que nunca deveremos fazer, o que nunca deveremos aceitar.
Obrigado por serem o que são.
Obrigado por serem como são.
Para que não sejamos também assim.
E para que possamos reconhecer facilmente
quem temos de rejeitar.

Joaquim Pessoa

segunda-feira, 1 de novembro de 2010

Florbela Espanca

A nossa casa, Amor, a nossa casa!
Onde está ela, Amor, que não a vejo?
Na minha doida fantasia em brasa
Costrói-a, num instante, o meu desejo!

Onde está ela, Amor, a nossa casa,
O bem que neste mundo mais invejo?
O brando ninho aonde o nosso beijo
Será mais puro e doce que uma asa?

Sonho... que eu e tu, dois pobrezinhos,
Andamos de mãos dadas, nos caminhos
Duma terra de rosas, num jadim,

Num país de ilusão que nunca vi...
E que eu moro - tão bom! - dentro de ti
E tu, ó meu Amor, dentro de mim...

                          Florbela Espanca

Os Amantes de Novembro

Ruas e ruas dos amantes
Sem um quarto para o amor
Amantes são sempre extravagantes
E ao frio também faz calor

Pobres amantes escorraçados
Dum tempo sem amor nenhum
Coitados tão engalfinhados
Que sendo dois parecem um

De pé imóveis transportados
Como uma estátua erguida num
Jardim votado ao abandono
De amor juncado e de outono.

Alexandre O'Neill

Doce Novembro, o meu mês