terça-feira, 29 de dezembro de 2009

Mais um da Rita G. Um bom Ano Novo para todos!

VEM AÍ O ANO NOVO
 CHEINHO DE ALEGRIA!
 VAI MOSTRAR AO POVO
 QUE TENS MUITA SIMPATIA!

quarta-feira, 23 de dezembro de 2009

Para um Natal merecido... da Rita G. (sempre!)

ESTÁ QUASE A CHEGAR
O NOSSO QUERIDO PAI NATAL

QUE NOS VAI DAR MUITAS PRENDAS
E UM BEIJINHO MUITO ESPECIAL

Mais uma vez do Brasil, da Tânia! Que saudade!!!


Monsieur Binot

Joyce

Olha aí, monsieur Binot
Aprendi tudo o que você me ensinou
Respirar bem fundo e devagar
Que a energia está no ar
Olha aí, meu professor,
Também no ar é que a gente encontra o som
E num som se pode viajar
E aproveitar tudo o que é bom
Bom é não fumar
Beber só pelo paladar
Comer de tudo que for bem natural
E só fazer muito amor
Que amor não faz mal
Então, olha aí, monsieur Binot
Melhor ainda é o barato interior
O que dá maior satisfação
É a cabeça da gente, a plenitude da mente
A claridade da razão
E o resto nunca se espera
O resto é próxima esfera
O resto é outra encarnação!!!

segunda-feira, 21 de dezembro de 2009

As minhas máquinas, da Rita G, uma miúda gira cheia de ideias originais!



As Minhas Máquinas
Hoje inventei três máquinas! Que fixe!
Uma serve para fazer os trabalhos de casa, outra serve para matar moscas (é electrónica) e outra serve para ouvir os pensamentos das outras pessoas.
Estava eu a trabalhar na máquina dos trabalhos de casa, quando ouvi uma voz vinda da máquina dos pensamentos que dizia:
- Não estejas preocupada com a nota que vais ter a Estudo do Meio, porque eu vi-te a estudar muito para esse teste e tenho a certeza que não vais ter negativa!
Não respondi mas pensei que se calhar ela tinha razão. Ouvi outra voz vinda da máquina dos TPC que dizia:
- Ela tem razão porque eu estive a ver os teus outros testes da mesma disciplina e vi que tinhas tido boas notas!
A máquina de matar as moscas disse-me:
      - ELAS TÊM RAZÃO, MAS TENS DE ESTUDAR MAIS A MATEMÁTICA!
Ri-me. Depois comecei a pensar em várias formas para fazer uma máquina que desse para gravar música
FIM

quinta-feira, 17 de dezembro de 2009

Natal com o 5º C

Numa noite de Natal
lá para os lados de Belém
Nasceu um lindo menino
que só quis fazer o bem

No Natal há amor
no Natal há fantasia
Toda a gente ri
e tem muita a alegria

E sem nenhuma tristeza
nessa noite de luz
aguarda-se a surpresa
do Menino Jesus

Começou a festa
há pessoas a chegar
alegria para todos
e presentes para dar

Um Natal com harmonia
para quem tem muita alegria
Um Natal feliz
para quem viu uma perdiz
Um Natal com amor
para quem cheira uma flor

No Natal há Paz e harmonia
amor e alegria
Para mim o Natal
É uma festa especial!

João A.; Patrícia M.; Beatriz; Marta; Inês; Ana Teresa; Patrícia C.; Ana Cristina

Mais Natal com o 5ºA

Natal... O que é o Natal?
Natal é estar em família, com amor, em paz e tudo de bom!
É uma noite maravilhosa, é mesmo a melhor do ano.
O Natal não tem música, somos nós que lhe damos o tom.

No Natal nasceu o Menino Jesus,
E conduzidos por uma luz
os Reis Magos, porque o veneram,
ouro incenso e mirra foi o que lhe trouxeram.

Numa ânsia infindável
Prendas para as crianças
prendas para os adultos
Esta é a noite de magia incalculável!

Ana; Marta; Carina

Natal com o 5ºA





Está a chegar o tal dia
O dia de Natal
O dia que nos transmite
 uma mensagem especial.

Nasceu o menino Jesus 
Traz paz, amor e alegria
Seu pai chama-se José 
E sua mãe Maria.


É a festa da família
que se vive intensamente
É a noite da consoada
troca-se um beijo e um presente


Chegou o Natal
a época natalícia
há imensos doces
que são uma delícia


Vou receber muitos presentes
num dia especial
e quem mos vai dar
vai ser  o Pai Natal


É Natal,
é alegria
muito amor
e fantasia


É época de presentes
trazidos pelo Pai Natal
que atravessa o Mundo
nesta noite sem igual


Está uma linda noite de Natal
o céu está a escurecer
num instante chega o Pai Natal
e um monte de prendas vai trazer


Querido Pai Natal
queria lhe pedir
se ao perguntar à minha mãe
as prendas posso abrir


Claro que sim, minha querida
foi por isso que aqui vim
faço assim a minha despedida
com tudo de novo que aprendi


Tomás; Manuel;Diogo A.; Patrícia; João; Zé Maria; Diogo G.; Carolina D.; Jéssica; Catarina B.


sábado, 12 de dezembro de 2009

Estrelinha, por Maria Galésio do 5ºA

Estrelinha

Brilha, brilha Estrelinha
Brilha, brilha lá no céu.
Para quem és feita diz-me tu?
Eu sou feita para ti.
Se és feita para mim dá-me o teu orgulho
E o teu coração de ouro tão bonito e tão sincero.
És a minha Estrelinha preferida da noite de Inverno.

Maria Galésio

quinta-feira, 10 de dezembro de 2009

Mais uma coisinha da Rita!

O Natal

No Natal há Paz, harmonia,
amigos, simpatia, amor e alegria!
Para mim, o Natal
É uma festa muito especial!

Estamos no Natal
Que feliz está o povo!
Adeus meus amigos
Vemo-nos no Ano Novo!

Rita Gateira, 5ºC

terça-feira, 8 de dezembro de 2009

Este poema foi escrito pela Rita G. Uma brincadeira a sério!


As Estações do Ano

Na Primavera há flores
E passarinhos a voar
Há muitos animais
Que já não estão a hibernar

No Verão está calor
E na praia eu vou estar
Há ondas a rolar
E nós nelas a nadar

O Outono é uma altura especial
Porque há folhas a cair
Brincamos ao apanha
 E temos de fugir

No Inverno há frio
Temos que nos agasalhar
Vamos à escola
E temos que estudar

Autora: Rita Gateira

Um poema enviado pela Rita G. do 5ºC


O Inverno cheio de frio
Com ciúmes do Verão
O piso fica escorregadio
Crianças no meio do chão

A Primavera logo a seguir
Toda bonita e florida
Atira-se uma bola
A jarra fica partida

O Verão cheio de sol
Sto. António, praia e mar,
Este é um lindo poema
Que tem de estar sempre a rimar.

O Outono cheio de folhas,
De muitas e variadas cores
Logo vem o S. Martinho
As castanhas têm muitos sabores.  
Rogério Maurício

Jô Soares sabe do que fala!

O material escolar mais barato que existe na praça é o professor!
É jovem, não tem experiência.
É velho, está superado.
Não tem automóvel, é um pobre coitado.
Tem automóvel, chora de "barriga cheia”.
Fala em voz alta, vive gritando.
Fala em tom normal, ninguém escuta.
Não falta ao colégio, é um “Adesivo”.
Precisa faltar, é um “turista”.
Conversa com os outros professores, está “malhando” nos alunos.
Não conversa, é um desligado.
Dá muita matéria, não tem dó do aluno.
Dá pouca matéria, não prepara os alunos.
Brinca com a turma, é metido a engraçado.
Não brinca com a turma, é um chato.
Chama a atenção, é um grosso.
Não chama a atenção, não se sabe impor.
A prova é longa, não dá tempo.
A prova é curta, tira as hipóteses do aluno.
Escreve muito, não explica.
Explica muito, o caderno não tem nada.
Fala correctamente, ninguém entende.
Fala a “língua” do aluno, não tem vocabulário.
Exige, é rude.
Elogia, é debochado.
O aluno é retido, é perseguição.
O aluno é aprovado, deitou “água-benta”.
É! O professor está sempre errado, mas, se conseguiu ler até aqui, agradeça a ele.

segunda-feira, 7 de dezembro de 2009

Histórias com interesse, Manuel Giões, um colaborador presente!

Rómulo e Remo                                                                                                                                                

Save the World, salvem o Mundo!


A Fundação AMI completa, este ano, 25 anos de existência.

A Fundação AMI completa, este ano, 25 anos de existência. Ainda que inicialmente se tenha exclusivamente dedicado à Assistência Médica Internacional, ao longo dos anos a sua área de intervenção foi-se tornando cada vez mais abrangente, não só por ter alargado o seu campo de acção a Portugal, hoje com 11 estruturas de apoio social em pleno funcionamento e duas em fase de construção, mas também por actuar em outros campos, todos eles directamente relacionadas com a saúde do Ser Humano (física, social, ambiental).

Fundada em 1984 pelo médico, cirurgião geral e urologista, Fernando Nobre, esta Instituição, exclusivamente portuguesa, tem como preocupação central defender o ser humano contra a intolerância, contra a indiferença, as duas doenças mais graves da humanidade, na medida em que acredita que cada vida humana é única, insubstituível, digna de atenção e cuidado!
Numa altura em que a situação da pobreza em Portugal é cada vez mais preocupante, e o número de pessoas que recorre aos nossos equipamentos sociais tem vindo a aumentar dramaticamente, resolvemos assinalar o 25º aniversário da forma que entendemos melhor poderia simbolizar a união solidária entre seres humanos.
Assim, para celebrar a efeméride, decidimos promover um concerto na Aula Magna da Reitoria da Universidade de Lisboa, no dia 11 de Dezembro, às 21h30.
Concerto Contra a Indiferença é um espectáculo da responsabilidade da Orquestra Metropolitana de Lisboa, que prontamente aceitou o desafio, oferecendo a receita total aos projectos da AMI em Portugal. Tendo como solista Alexandre da Costa (violino) e com direcção musical de Cesário Costa, a Metropolitana propõe composições de Béla Bartók, Joly Braga Santos e Sergei Prokofiev entre outros.
Os bilhetes têm o valor simbólico de 5€ e 7€!
Não perca este evento. Não perca esta oportunidade de contribuir para uma causa digna do seu empenho, celebrando 25 anos de dedicação a fazer a diferença no Mundo!



Para mais informações: Tel: 21 836 21 20
margarida.rosa@ami.org.pt

domingo, 6 de dezembro de 2009

Mais uma carta para o Pai Natal, a do Manel!

Uma Carta Especial

Este é o pedido da Marta, 5ºA


Uma carta especial ao Pai Natal

-Olá Pai Natal! Olá mais uma vez! –escrevi eu na minha carta de Natal para este ano.
No inicio comecei assim mas depois comecei a falar de um assunto muito importante: o fim da guerra no mundo, pedi mais uma vez para o Pai Natal me poder concretizar este desejo e certamente o desejo de muitas outras pessoas.
Eu também queria uma coisa, Pai Natal queria que toda a minha família neste Natal tivesse saúde.

terça-feira, 1 de dezembro de 2009

Em Dezembro, um pedido especial ao Pai Natal!


Uma carta especial ao Pai Natal

    Olá, eu sou o José Maria. Eu gostava que tu, Pai Natal, desses um Natal muito feliz às crianças, aos adultos e ainda aos avós. Mas descansa que todas as pessoas devem saber que se têm de portar bem para merecerem receber presentes.
    Mas também se tem de pensar porque é que existe Natal e a resposta a essa pergunta é: JESUS !!!
    Se JESUS não tivesse nascido e sido uma pessoa tão importante, o Natal não existia porque o Natal não é só presentes, é também e, principalmente, para celebrar o nascimento de JESUS e, isto não é só para quem acredita em JESUS, é também para quem não acredita passar a acreditar, quem não acredita em JESUS só festeja o Natal e recebe presentes porque JESUS existiu e quem não acredita em JESUS não deve perceber isso. Cada um tem a sua opinião e se há pessoas que não acreditam em JESUS só temos é de deixá-los ou então fazer com que mudem de opinião. E eu também acho que tu, Pai Natal, devias tentar ensinar a essas pessoas que não acreditam em JESUS isso, essas pessoas só existem graças a uma grande pessoa que está lá no céu a cuidar de nós, mesmo dos que não acreditam Nele e essa pessoa é JESUS !!!
     Ajuda-nos, Pai Natal, também com isto.
     Espero que possas.




José Maria Leal da Costa